16 de abr de 2012

TRAVESTI NÃO É FEMININA..... PROFESSOR TRANSFOBICO EM RORAIMA ATACA TRANS‏

Senhores e senhoras deste Fórum!

Há umas semanas recebi este email. Armazenei-o para que, após alguns compromissos sanados, tivesse tempo para respondê-lo e, se estivermos realmente em um país democrático, apelar para as inteligências, uma vez que o que impera são as emoções e os sentimentalismos, que, não raro, se embasam em sofismas subjetivos irracionais e absurdos.

"Voce que é jornalista, (NÃO) passe a usar o feminino" ao que é - e sempre será! - MASCULINO. O travesti, transsexual, trangêneros (ou qualquer outro neologismo criado para nomear estas pessoas) são HOMENS que, por algum motivo que não nos compete digregir, tentam alterar sua NATUREZA, que - até que haja comprovação científica autêntica - é masculina, lembrando que a mesma natureza dotou a espécie humana (pra ficar nela) com apenas DOIS SEXOS. Nenhum homem conseguirá jamais por vias naturais adquirir vagina, ovular, gestar e dar à luz; bem como nenhuma mulher terá um pênis, espermatozóides ou testículos. E não me venham usar os hermafroditas como desculpa!

Há toda uma inversão não só de valores como de LÓGICA. Está-se tentando forçosamente criar um "terceiro sexo" (SIC!) utilizando-se de instrumentos linguísticos, políticos, artísticos, entre outros, a fim de causar nas mentes a NEGAÇÃO DA REALIDADE!

Respeitar o ser humano é auxiliá-lo na busca da Verdade, do Bem e do Belo, já diziam Sócrates e Aristóteles, que desde seu tempo já tinham um inimigo comum aos nossos dias: os Sofistas. Estas pessoas tentam, através de palavras de ordem, lugares comuns e pseudodefesa dos direitos humanos levar as pessoas a uma escravidão do Falso, do Mal e do Feio. Ou alguém em sã consciência poderá considerar verdadeiro, bom ou belo o retrato do ser humano abaixo, utilizado como instrumento de comoção neste post?

Já está mais do que na hora de acordarmos, sob pena de sermos considerados no futuro como a sociedade mais irracional que já habitou este planeta. E perceber que o que se está vivendo é o ápice de algo conhecido pela história como paganismo, onde o ódio à vida impera sob vários aspectos, em distorções da realidade, portanto, da verdade das coisas, que pela definição do filósofo judeu Isaac Israeli, é "a adequação da ideia ao objeto", i.é., a verdade é objetiva, não dependendo de nosso subjetivismo para se firmar.

OS travestis ou quaisquer alcunhas dadas merecem nosso respeito NÃO POR SUAS ESCOLHAS, mas pela condição de seres humanos. 

E não somos obrigados a nos "adequar" ao que se sobrepõe às leis naturais, portanto, à realidade, ao contrário, temos o dever de combatê-los. Somente desta forma estaremos, de fato, respeitando não "minorias" ou "maiorias", mas as PESSOAS!

Airton Vieira
Professor

Solicito que todas se manifestem......
email: tonvi68@yahoo.com.br

To  com tamanha ignorância e falta de sensibilidade deste senhor professor!

No minimo o mesmo tem problemas hormonais!


Atenção movimento LGBT, esta é a hora de nós unir ainda mais....

Catharina

Nenhum comentário:

Postar um comentário