28 de fev de 2012

Travesti assume cargo na Secretaria de Justiça da Bahia‏

DOMINGO, 26 DE FEVEREIRO DE 2012

 
Paulett Furacão (segunda da direita para  a esquerda) é transexual, e não travesti como informa a matéria

A coordenação do Núcleo LGBT na Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos da Bahia (SJCDH) conta, desde janeiro, com uma travesti no quadro de funcionários.

Paulete Furacão foi anunciada, com entusiasmo, pelo secretário Almiro Sena, após o lançamento da campanha de mobilização nacional pelo combate à exploração sexual de crianças e adolescentes, ontem na Fundação Luís Eduardo Magalhães. “Temos a primeira travesti assumindo um cargo na secretaria. A indicação visa dar um olhar de propriedade à causa e promover, de fato, a igualdade social”, defendeu Sena. 


Na SJCDH, Paulete ficará responsável pela promoção de direitos LGBT. “Fui reconhecida pelo trabalho de orientação que vinha fazendo com jovens na Associação Laleska de Capri. O nome é em homenagem a uma travesti morta em Amaralina”, contou Paulete, que disse aguardar, “com esperança”, a aprovação de uma lei federal que autorize travestis a utilizarem nomes femininos. “Nome é o que nos chamam e não o que nos dão”, disse.

Fonte: A Tarde

Nenhum comentário:

Postar um comentário