27 de fev de 2012

Informativo do Bloco da Prevenção no carnaval 2012 “Vestiu Uma Camisinha Listrada e Saiu Por Aí”














Como vem acontecendo nos últimos anos; o Bloco Carnavalesco “Vestiu Uma Camisinha Listrada e Saiu Por Aí”, ou “Bloco da Prevenção” como passou a ser popularmente conhecido, fez a diferença na abertura do Carnaval 2012, arrastando centenas de foliões pela Avenida Rio Branco, da Candelária à Cinelândia, no Centro do Rio, no início da noite de sexta-feira (17/02).
Embalado pela Bateria da Unidos da Tijuca, o Bloco é uma realização do Sindicato dos Bancários do Rio de Janeiro, em parceira com o Fórum ONG/Aids/RJ, Fórum ONGs Tuberculose RJ, Rede de Comunidades Saudáveis e CEDAPS, contando também com o apoio logístico da Gerência Estadual de DST/Aids e Hepatites - SES/RJ e, esse ano, do Departamento de Aids e Hepatites/ MS.
Desde o início da tarde, ainda na área de concentração na Candelária, ativistas, lideranças comunitárias, profissionais de saúde, bancários e foliões que, espontaneamente,  foram se juntando ao grupo; já sinalizavam o sucesso do Bloco e mostravam que é possível conjugar alegria, diversão e responsabilidade social, ratificando o lema de que  DIVERSÃO  e PREVENÇÃO podem ser muito mais que uma simples rima e fazer a diferença.



Sob a coordenação de Marco Aurélio Hamellin, carnavalesco do Sindicato; a abertura do Bloco, além das manifestações institucionais, contou também com  as falas do Presidente da Frente Parlamentar Estadual de Aids e Tuberculose da ALERJ, Deputado Gilberto Palmares, de Wanda Guimarães (CEDAPS/ Rede de Comunidades Saudáveis) e Roberto Pereira (CEDUS/ Fórum Estadual de ONG/Aids/RJ) que, cada um sob sua perspectiva, deram o seu recado e estimularam os participantes do Bloco. Também estiveram presentes Carlos Basília (IBISS) e Alexandre Milagres (FAP). Veja o vídeo/fotos http://www.youtube.com/watch?v=A3azu8SLoQg

Ainda na concentração os agentes comunitários da Rede, com o reforço da equipe de agentes de prevenção mobilizados pelo Departamento de Aids, deram início ao trabalho preventivo distribuindo preservativos, ventarolas e porta-camisinha para a população; ação essa que se estendeu durante todo o trajeto do desfile, até sua dispersão na Cinelândia, sempre incentivados pelo puxador do samba que, ao som do samba enredo do Bloco, repetia o refrão: “... É carnaval... Dou um alerta pra população... Fazer amor é tão gostoso... Beber cerva é prazeroso.... Quando tem moderação !!”.

                     Fórum Estadual das ONGs na Luta contra a Tuberculose no Rio de Janeiro

                                                                                        Secretaria Executiva
CEDUS - CEDAPS - GRUPO ÁGUA VIVA - GPV Niterói
REDE DE COMUNIDADES SAUDÁVEIS

Nenhum comentário:

Postar um comentário