28 de jan de 2012

Delegacias do Rio incluem nome social de travestis e transexuais em Registros de Ocorrência

Parceria entre a Chefia de Polícia Civil e a Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos é uma das ações do Governo do Rio para celebrar o Dia da Visibilidade Trans – 29 de Janeiro.

A chefe da Polícia Civil, delegada Martha Rocha receberá o superintendente e coordenador do Programa Estadual Rio Sem Homofobia, Cláudio Nascimento e cerca de trinta travestis e transexuais em seu gabinete na próxima segunda-feira (30) às 16h30, para cumprimetar as lideranças de travestis e transexuais pelo Dia Nacional da Visibilidade Trans e anunciar a inclusão do nome social nos registros de ocorrência das delegacias. A ação, em consonância com o conjunto de medidas do Programa Estadual Rio Sem Homofobia, proporcionará a composição de dados oficiais sobre homicídios e outros crimes praticados contra travestis e transexuais – população que mais sofre com a transfobia e discriminação.
Atividades também serão realizadas em todo o estado do Rio a fim de celebrar uma das datas mais importantes da comunidade LGBT. A Superintendência de Direitos Individuais Coletivos e Difusos da Secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos e ONGs realizarão atividades para celebrar a data, como seminários, jornadas, exibição de filmes e espetáculos.
“O Programa Estadual Rio sem Homofobia é um conjunto de políticas públicas para combater a homofobia e promover a cidadania LGBT. É importante lembrar que a comunidade de travestis e transexuais é a mais atingida pela intolerância e o ódio. Elas são xingadas, violentadas e carregam um estigma criminoso que deve ser revertido. Neste dia queremos esclarecer que travestis e transexuais também são cidadãs e possuem seus direitos, como todos nós!”, enfatiza o superintendente e coordenador do Programa Estadual Rio sem Homofobia, Cláudio Nascimento.  

Estado reconhece outros direitos de travestis e transexuais

Em 8 de julho de 2011, o Governador Sérgio Cabral assinou o decreto de n.º 43.065 que dispõe sobre o direito ao uso do nome social por travestis e transexuais na administração direta e indireta do estado do RJ.

Um dos destaques da justificativa para o decreto foi que as políticas governamentais devem se orientar na promoção de políticas públicas e valores de respeito à paz, à diversidade e a não-discriminação por identidade de gênero e orientação sexual.

Programação de Atividades - 2012
Dia 27 de Janeiro

  • 1ª Jornada de Debates sobre Travestilidade e Transexualidade de São Pedro da Aldeia
Local: Casa de Cultura Gabriel Joaquim dos Santos. Horário: 19h30
Realização: Grupo Aldeia Diversidade de Combate ao Preconceito LGBT / ASTRA RIO / Rede LGBT do interior fluminense.

Dia 29 de Janeiro

  • 1ª Jornada de Cidadania Trans “Praia Cidadã" - Prevenção, Informação e Cidadania
Local: Barraca da Fau, em frente ao Copacabana Palace. Horário: das 14h às 16h
Realização: ASTRA RIO

  • Caminhada da Visibilidade de Travestis e Transexuais RJ
Local: Avenida Atlântica posto Seis. Horário: 16h
Realização: Grupo Transrevolução.

  • Eleição da Rainha Trans do Carnaval LGBT da Região dos Lagos
Local: Gayosque Bambu – Av. do Contorno nº 19 - Praia do Forte. Horário: 16h
Realização: Grupo Cabo Free / ASTRA RIO / Rede LGBT do interior fluminense.

  • Mesa Redonda: Travestilidade e Transexualidade nas Favelas.
Local: Hotel Monte Alegre – Rua do Riachuelo,213. Bairro de Fátima –Centro. Horário: 18h
Realização: Conexão G / ASTRA RIO

Dia 30 de Janeiro
  • Casa Aberta – O dia T: várias atividades promovidas no 7º andar da Central do Brasil marcando o Dia Nacional da Visibilidade Trans

9h às 18h - CEMO Rio terá o dia livre para demandas Trans.
  1. Apoio Jurídico
  2. Apoio Psicológico
  3. Atendimento Social
  4. Dicas de Saúde
  5. Informações sobre direitos.

9h às 12h – 1ª Oficina de Troca de Tecnologia de gestores públicos em atendimento a população de Travestis e Transexuais. Conteúdo proposto:
  1. Atendimento e acolhimento
  2. Demandas específicas e coletivas
  3. Encaminhamentos
  4. Potencialidades e fragilidades.

14h às 18h– Vídeo debate: filme “BOMBADEIRAS”, de Luiz Carlos Alencar.

Dia 31 de Janeiro

               1ª Jornada de Prevenção consciência e Cidadania para população Trans
       Local: Pontos de prostituição de Travestis e Transexuais em Niterói . Horário: 20h
              Realização GDN / ASTRA RIO.

1º de Fevereiro

               Vídeo debate. Filme “Translatina” 
       Local CR LGBT Caxias. Horário: 14h

3 de fevereiro

               Vídeo debate “BASTA UM DIA ” a perigosa vida das Travestis e Transexuais no cotidiano da Prostituição da baixada fluminense. 
Local: CR LGBT Região Serrana. Horário: 14h

4 de fevereiro

               1ª Jornada de Prevenção, Consciência e Cidadania para população Trans de Nova Iguaçu
Local: Rua da Lama, ponto de concentração de Travestis e Transexuais . Horário: 19h
Realização Grupo Ellos / ASTRA RIO.

5 de fevereiro

               Espetáculo Trans Cult, em comemoração aos 7 anos ASTRA RIO
       Local : Teatro de bolsa – Travessa Dr. Araújo, 55 – Praça da Bandeira. Horário: 16h      Realização: ASTRA RIO / Empório Almir França.


Informações para a imprensa:

Márcia Vilella | Diego Cotta | Marietta Trotta

Assessoria de Comunicação - SuperDir/SEASDH

Tels.: 21 2284-2475 | 8158-9692 | 8097-5558 | 8084-0099

Nenhum comentário:

Postar um comentário